terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Relance



Um segundo e meio
Um olhar em meio
Um sorriso ao meio


                                                                    Mara Medeiros

4 comentários:

Anônimo disse...

Sutil e lindo, Mara. Beijão

Lai Paiva

Coletivo Revolucionário disse...

Lindo poema...

@Mariogerson

leovalesi disse...

Sua luz, inteira é, quando escrita, uma delícia nos inebria... Você escrita, tudo é rima...

Toninho disse...

Bonito inteiro